Reabilitação Oral
10 de Novembro de 2018

A Reabilitação Oral representa o maior desafio da Odontologia Moderna, pois sua finalidade é reestabelecer uma oclusão estável unindo fatores estéticos e funcionais integrando todas as áreas da Odontologia.

 

Os pacientes que necessitam deste tratamento, são aqueles que normalmente apresentam inúmeras queixas que variam desde ausências dentárias, insatisfação estética, deformidades dentofaciais, problemas de ordem muscular até mesmo dores frequentes na face e cabeça. Tais alterações podem promover um grande prejuízo estético e funcional ao paciente, comprometendo principalmente a beleza do sorriso, qualidade mastigatória, disfunção articular e alterações faciais que contribuem para o envelhecimento.

 

O tratamento reabilitador até pouco tempo era limitado à confecção de próteses convencionais, porém, pacientes não se adaptavam a estes tratamentos causando insatisfação, insegurança e baixo autoestima. Assim, o tratamento reabilitador com o uso de implantes dentários ósseointegrados, tem como objetivo reabilitar a função mastigatória de maneira eficiente, devolvendo qualidade de vida e resgatando novos sorrisos.

 

As condições de saúde geral, anatômicas, psicológicas e financeiras do paciente orientam o profissional na escolha do tipo de cada reabilitação. "Vale ressaltar que todos os casos são possíveis de reabilitar através do uso de implantes dentários."

 

Com a evolução das técnicas cirúrgicas e dos sistemas de implantes, tornou-se possível reabilitar o paciente em um curto período de tempo com próteses unitárias ou totais fixas aos implantes, através de técnicas e materiais de última geração.

 

Os implantes dentários representam um tratamento de muita confiabilidade e proporcionam grande bem-estar ao paciente. É um recurso eficaz e confiável que devolve as funções mastigatórias e estéticas, resgatando a autoestima. Melhora sua qualidade de vida, eliminando muita das inseguranças associadas às ausências dentárias ou próteses móveis. Aumenta sua eficiência mastigatória e a quantidade de alimentos que podem ser consumidos, melhorando a qualidade nutricional da alimentação, diminuindo a sobrecarga do organismo, já que os alimentos são bem mastigados e bem digeridos, evitando assim problemas gástricos e obtendo melhora significativa do paladar.

 

Neste sentido, vale destacar os grandes avanços da Odontologia e as possibilidades que esta área oferece no resgate da estética, funcionalidade e, sobretudo, na devolução da qualidade de vida as pessoas.

Instagram